Em tempos de crise econômica, o mercado de trabalho acaba sendo fatalmente afetado. Para não fechar as portas, o último recurso de muitas empresas é o corte de pessoal, o que aumenta os números de desemprego e de talentos buscando uma recolocação profissional. Mas nem tudo está perdido: somente no estado de São Paulo, as startups já estão oferecendo 800 novas vagas em diversas áreas de atuação.

De acordo com estatísticas divulgadas pelo StartSe, hoje existem 4.217 startups cadastradas no Brasil, e, no estado de São Paulo, já são 1.316 em funcionamento. Uma pesquisa conduzida em março pela escola de capacitação Gama Academy revelou que, desse número, cerca de 230 startups estão com vagas abertas.

A capital paulista concentra a maioria desses postos de trabalho, oferecendo pelo menos 731 vagas. Na sequência, vem Barueri, que já tem 34 oportunidades, seguida por Campinas, que conta com 19 funções aguardando um candidato à altura. Ainda de acordo com o StartSe, os profissionais mais cobiçados são os desenvolvedores web e mobile, representando 42% do total de vagas abertas.